segunda-feira, 20 de julho de 2009


"Os olhos foram feitos para ver coisas insólitas

Fez-se a alma para gozar da alegria e do prazer

O coração foi destinado a embriagar-se na beleza do amigo ou na aflição da ausência.

A meta do amor é voar até o firmamento

A do intelecto, desvendar as leis e o mundo...

Apaixonado, o peregrino beija a pedra negra ansioso por sentir mais uma vez o

toque dos lábios do amigo e degustar como antes o seu beijo..."

Rami.


Imagem de Nana lopes por Tuty Loback

Um comentário:

Mineirinha disse...

Os olhos são via de mão dupla: fazem entrar belezas e refletem os sentimentos da alma! Não há maior espelho da alma que um olhar sincero!