sábado, 8 de novembro de 2008

Não te amo mais


Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais...

PAREEEEEEEEEEEEEEEE!
Não acabou por ai,agora,leia o poema de baixo para cima .
Viu??
Quero saber o que achou dessa obra prima em forma de letrinhas.


Bjkas e bom fim de semana!!

8 comentários:

douglasfert disse...

Realmente uma obra prima,não?

Cada dia estou me apaixonando mais e mais pelo poder da escrita.

**Será que ainda migrarei da publicidade para Letras?**

Vou mandar o texto para o meu amor... È sempre bom dar um sustinho para inicia a semana...rs.

Graziela disse...

TEm que ser do fera!!
Amo este poema..

http://marretada.zip.net/

diego leal disse...

drummond é mesmo genial!!!
uma obra prima.

paula barros disse...

Muito, muito bom...que idéia genial.

abraços, boa semana.

São disse...

Genial!!!
Agradeço a partilha!
Um beijo.

Benó disse...

Oh Naninha que coisa engraçada!
Realmente é de génio e vou copiar. Não se importa, pois não?

Uma boa semana e, como sempre, é um prazer estar consigo.

Um forte abraço.

Choujitops disse...

Muito bom o poema.... esse drummond e um cara genial...

VOLUPTUOSIDADES disse...

Perfeito, amo Drummond foi um genio!!
Beijos