quarta-feira, 12 de março de 2008

Send in the Clowns

Muitas vezes as coisas parecem fadadas ao fracasso.
Algo dá errado na ultima hora.
Os planos inesperadamente mudam de direção.
Alguém resolve eleger voce para sabotá-lo em todas as situações possíveis.
Muitos podem até pensar que o Universo conspira contra si...
Hoje ponderei sobre isso depois que presenciei um diálogo em um dos corredores da Faculdade de Artes.
Quando esses acontecimentos nos torpedeiam,não há muito o que fazer .
A solução é levar as coisas de forma mais leve.Não adianta estressar .
Preocupações só somatizam ansiedades e podem acabar resultando em consequencias físicas além do nosso controle.
Eu por exemplo, que costumo praticar o exercício constante da paciência e confesso que até uso os métodos "Poliánicos" de fazer o jogo do contente , sexta feira passada me aborreci sobremaneira com um fato que acabou por me tirar do eixo e por fim "criei" uma espécie de urticária que me rendeu o uso de anti- alergico e sequelas durante o fim de semana e se extendeu até hoje,uma semana depois .
A expressão "send in the clows", é muito usada no ambiente artes em especial no teatro.
È bem colocada em situações onde o desastre se instalou e nada mais há de fazer a não ser relaxar e encontrar uma forma de ver a situação com bom humor até que a solução do problema seja encontrada.Difícil exercício...
Nos rodeios ou circo quando algo sai do controle, os palhaços entram para tirar atenção do público do foco do desastre e os divertem até que tudo se resolva.
Se um dia a cota de paciência chegar ao limite do insuportável, não se deixem levar pelo acontecimento pois só traz prejuizos.
Então: Que entrem os palhaços!!!

PS: A música de fundo se chama Send in the Clowns e foi gravada por varios artistas inclusive o Renato Russo. Foi composta em 1973 por Stephen Sondheim para um musical onde a personagem reflete sobre os percalços da vida.

Para ouvi-la, clique aqui
free music

19 comentários:

Jeff McFly disse...

Juroque li mais de uma vez para tentar entender, mas...

nada. Acho que deve ser estado de espírito. Foi mal.

Nana Lopes disse...

kkkkk
jeff, te compreendo...

Renato Barbosa disse...

nossa condição psicologica ..

Afeta muito nosso corpo e mente principlamente quando temos e pensamos ter algo sobre nosso controle ..

nos ultimos meses estou pansando por isso ..

Foi grava os resultados dos meus impulsos ... e triste a dor da perda ou da mudança ..

mas agora que tudo ta um pouco mais tranquilo estou lendo um livro sobre esse assunto ..

Chama: O desapego,autora: Rossette Poletti

.. no livro explica, que todo ser humano tenta controlar a vida, mas ela cheia de supresas e mudanças ..

e que felizes são aqueles que sabe se adaptar as elas e praticar o desapego ..

trazendo assim a paz e a felicidade plena na conquista dos objetivos ..

Resumindo: nem tudo da certo ... kkkkk

Bjs ..

quando der da uma olahadinha no meu blog ..

http://renatobarbosa.blogspot.com/

Alexander Bastos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Alexander Bastos disse...

"...Às vezes me sinto com num filme, igual ao Show de Thruman, uma espécie de big brother onde todos conspiram..."


www.blogdospiratas.org

Mayna disse...

Acho que tudo acontece com algum propósito, por isso algumas vezes é bom não levar as coisas tão a sério!
Prefiro sorrir para as adversidades a fechar a cara para elas.

http://maynabuco.blogspot.com

Everaldo Ygor disse...

Olá...
Realmente levar um vida simples é a solução...
Um som lindo ao fundo... Uma caminhada ao interior...
Abraços
Everaldo Ygor
http://outrasandancas.blogspot.com/

Natália Coelho disse...

Vamos fazer do mundo um circo então!

rss

Gostei do seu texto!

abraços

ραυℓιинσ_ѕαитιѕтα disse...

"Preoucupações só somatizam ansiedades e podem acabar resultando em consequências físicas além do nosso controle"

Essa parte eu senti que fosse para mim...

Mto bom texto!

Tyaguim disse...

Xonado nada...
Olhando sua idade..
Sbae aquelas coisas tipo..."meu número é YX..."
POis é ..O meu é o 44!
O vejo em todo lugar!
Inclusive aqui!rs

Tyaguim disse...

Não! Nehuma delas tem 44! Não calço 44...
Veja um pouco de números no arquivo do blog na postagem "11 de Setembro". Em Setembro de 2007!

Lorena Pereira disse...

Mto agradecida pela sua visita em minha página!
Espero que tenhas gostado e que volte sempre!

[ Parabéns ao seu, é de mto bom gosto ]

Bjo bjo!
><

Bia Mecânica disse...

É, eu costumo ficar bem ansiosa para que as coisas aconteçam logo ou quando dá errado. E isso tbm me traz consequências, como dores de estômago. tento ser otimista, mas às vezes nem dá... flw, moça!!
Bjos*

http://pimentamecanica.blogspot.com

Henrique Felippe disse...

"Preocupações só somatizam ansiedades e podem acabar resultando em consequencias físicas além do nosso controle." Feito pra mim... um espelho!

E aí moça, boa noite... melhorou desse dodói?

Ah! Obrigado pela visitinha... a ponte esta construída e estamos transitando nela... ;o)

Beijos e boa noite...

Henrique
Vai Vendo...
http://henryfelippe.blogspot.com/

paam*~ disse...

"Se um dia a cota de paciência chegar ao limite do insuportável, não se deixem levar pelo acontecimento pois só traz prejuizos."

vou até colocar no meu orkut... rss!
mto bom o texto.. bem intelectual..! x)

Parabéns pelo bloG!

Lizzie disse...

"Send in the clows" me lembra que sou também um pouco colombina. As coisas nem sempre andam bem e meu instinto é sempre teatral. Gostar do exagero, vezenquando p'ro riso, vezenquando p'ra dor...
Entre as minhas maiores decepções comigo mesma foi o descobrir... Descobrir que minha vida é muito de atuação sem ensaios.


Beijocas
www.lizziepohlmann.com

Sinceramente? disse...

Nem sempre o melhor caminho é ter paciência e nem enfrentar os problemas com bom humor!
Eu chuto logo o pau da barraca e resolvo a situação na conversa ou até mesmo se precisar na discussão.
É claro que isso varia de pessoa p/ pessoa, tem gente que prefere guardar p/ si mesmo,dar tempo ao tempo...Eu não me enquadro nisso.Me sinto mau se tiver que fingir que tá tudo bem...prefiro mesmo resolver tudo,mesmo que me dê dores de cabeça ou que me cause algum desconforto emocional.
De qualquer forma, irei me sentir melhor agindo dessa maneira.

Bom blog!Sucesso p/ vc!!
*Dany

Nana Lopes disse...

Dany, levar a coisa com mais leveza não quer dizer que vá fingir que não esta acontecendo enm que não vá enfrentar os problemas de frente.
Imagina se todo o mundo resolvesse chutar o pau da barraca?

Agr disse...

é a paciencia as vezes não resolve mas logo se agir de tal maneira com a pessoa em forma de brigas etc acaba atraindo coisas ruins para você

Eu nao sou psicologo nem acredito em lei da atração mas acredito q a ter paciencia as vezes é fundamental!

gostei do blog!