quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

How do you keep the music playing?


Como manter a música tocando
Como fazê-la durar,
Como evitar que ela se desgaste
Rápido demais?
Como entregar-se a alguém
Sem perder-se no caminho,
Como ter sempre coisas novas e interessantes
A dizer?
E, como sabemos que estamos sempre mudando,
Como podem as coisas permanecer as mesmas?
E diga como ter certeza de que ano após ano
Seu coração vai continuar a disparar sem controle
Cada vez que ouvir o nome dela? (dele?)
Eu sei que o que sinto por você é agora ou nunca
E quanto mais amo mais tenho medo
De que em seus olhos possa não ver "é para sempre, para sempre"
Se pudermos ser amantes dos melhores
E também amigos dos melhores
Se pudermos com cada dia que passa
Fazer ficar melhor ainda
Então, com um pouco de sorte, pode ser possível
Que a música dure para sempre.




Esta canção que esta no vídeo acima   é do  magnifico Michel Legrand  na voz de Johnny Mathis  e do Sinatra (que merecem que eu escreva algo só para eles  qualquer dia desses.
Acima coloquei a tradução do poema.
Gosto muitissimo de Michel Legrand e suas maravilhosas canções.
Seu talento é inquestionável. As vezes penso que alguns filmes cuja a trilha sonora foi feita por ele, só teve o destaque que teve porque a trilha era quase que um segundo roteiro,emoldurando e permeando  a trama fazendo a gente ir alem do que via na tela.
Gosto inclusive dos temas dos filmes de faroeste.
Lindas.
Sei que um ou outro leitor dessa postagem  pode achá-la ( a música)  meio antiquada e muitos não tem idéia da importância musical do Legrand e nem quem ele seja.
Mas deixando a  falta de informação e a questão de gosto musical de lado,resolvi cita-la em especial por que fala de uma inquietação constante dos corações humanos .
Quem nunca fez essa pergunta que a musica faz? percebo que a  questão que a música levanta é um assunto de muita constância nos textos , poemas,filmes,musicas,novelas,na blogosfera, nas redes sociais, na vida de todo mundo.
A questão é:como manter um amor?a primeira chama? o frisson dos primeiros dias? o coração batento de ansiedade?
O medo da perda assombra muitas pessoas e isso pode chegar ao ponto de parecer mais importante pensar na perda e em como ficará se perder ,do que em como gozar da alegria e o prazer de amar.
Rugas de preocupação e sofrimento antecipado tomam lugar do sorriso, ai a perda acaba sendo inevitável.
Legrand fez o questionamento e no final da musica deu  uma solução.
O que voces pensam disso?
Como manter tocando a música chamada Relacionamento Amoroso?
Deixa sua opiniao ai nos pitacos.Bjkas



56 comentários:

BLOGDOED disse...

Xi, caiu no seu de novo...

Se quiser apagar pra não ter problemas...

blog disse...

Nana, a honestidade com que vc fala é o melhor a se ouvir.
Legrand (ou o Tom Jobim francês) é um dos grandes músicos.
Sinatra é deus.

O que dizer sobre uma postagem que já diz tudo?
Fico a ouvir Legrand, Sinatra e você.

:::::Luiz::::: † disse...

adorei seu blog!
to começando um novo agora...
se quiser ver http://menininhama.blogspot.com/
o seu e otimo continue sempre assim!

Narlir Galvão disse...

Como foi pedido pela comunidade, aqui estou postando em seu blog.
Gostei da postagem e quero dizer que Legrand é um grande nome e fez belíssimas músicas, como a que vc citou.
Um abraço

Mariane Monteiro disse...

Obrigada pela visita. Seu texto é muito bonito. Seja sempre bem vinda ao meu processo criativo. Fica na paz! Viva a arte!!!

Calango Net News disse...

Acho que pensar no inevitável é perda de tempo, pois para o coração ainda borbulhar em chamas pela pessoa amada não há nada melhor do que o companheirismo e, principalmente, aceitar ao próximo do jeito que ela é.

A grande maioria dos relacionamentos acabam por isso, por falta de compreensão com o outro.

Hoje em dia muitos não conseguem superar as barreiras. No primeiro obstáculo já desistem. O importante é ser perseverante e sinceramente ter força de vontade para aceitar as coisas. E, lógico, se doar para o outro. Namoro, casamento etc. precisa disso, união, pois sem isso não há felicidade, não há o fogo do amor, não há nada. E o sorriso vai embora e o inevitável vira "nevitável".

Em relação a música gostei. É bastante declarativa aos sentimentos.

Bom blog.

Abraço!

http://calangonetnews.blogspot.com/

TeLmA disse...

Estou tentando deixar minha música chamada RELACIONAMENTO continuar tocando... mas não é fácil...
"Então, com um pouco de sorte, pode ser possível
Que a música dure para sempre"
Estou pedindo à Deus que me abençoe, que me dê sorte, e, acima de tudo, sabedoria, para que a "música" não acabe... mas tudo depende Dele e De Sua vontade...

Marra Signoreli disse...

Manter a fluidez de uma música é uma das coisas que eu tenho que fazer como violonista erudito... :}

Pra mim é tudo isso mesmo, quase nada... disse...

Nossa....seu blog é lindo...fotos liindas e uma sensibilidade incrível!!!!

Sobre sua postagem, creio que quando conseguirmos manter a serenidade que se é esperada no amor, poderemos ouvir a “canção” para sempre. Mas esse tipo de música refinada não é para qualquer ouvinte. Precisa ser um apreciador...E para isso precisa-se estar em paz. Talvez seja por isso, que sempre temos medo do final, por que estamos sempre em guerra como nós mesmo. Eu pelo menos to sempre assim, e sempre perco a música!

Á propósito, conforme disse no meu blog, está rodeada de homens maravilhosos... Mande um dessa espécie pra cá..que está em falta.

нєηяιq disse...

"brotoejas roxas com bolinhas amarelas"


O.o

Pra mim é tudo isso mesmo, quase nada... disse...

Seria muito propor parceria de banners???
Boa sorte?

Nana Lopes disse...

Lendo tudo com lagrimas nos olhos!!!

Calango Net News disse...

Assim como mantemos a emoção das belas melodias musicais, podemos alimentar o cortação (sentimento) com felicidade. O que é isso que a música traz para as pessoas.

"Que a música dure para sempre."

Abraço!

http://calangonetnews.blogspot.com/

Andréa Cristo disse...

Maravilhoso texto, muito bom gosto musical, linda estética visual. Perfeito. Parabéns linda.

Euzer Lopes disse...

Para manter a música sempre tocando, é só manter a "agulha" (casa bem com a idade da música que você citou) sempre sobre o disco.
Ligada no sorriso, na sinceridade, na honestidade.
A música nunca deixará de tocar

André Alves disse...

Parabens pela bela escrita e qualidade das palavras.

Muito boa essa frase...


O medo da perda assombra muitas pessoas e isso pode chegar ao ponto de parecer mais importante pensar na perda e em como ficara se perder ,do que em como gozar da alegria e o prazer de amar.

Passa lá no meu blog depois...
http://www.destinosdobrasil.blogspot.com/

Diário de uma muçulmana disse...

também gosto muito música romãntica. :)

http://muculmanaonline.blogspot.com/

Diário de uma muçulmana disse...

também gosto muito música romãntica. :)

http://muculmanaonline.blogspot.com/

Thierry disse...

haha..
legal
:D
nao sabia que eu tinah ganhado isso, sabe como é agenda lotada, mente perturbada... nao tinah entendido seu recado anterior, obrigado viu, gostei de seu comentario tb
^^

www.meusquadrinhos.blogspot.com
quadrinhos satiricos postados diariamente

Tyaguim disse...

Nana, adorei a letra!
Depois procure nos meus arquivos "som, música, aliança"
Esse texto me lembro este meu que citei!
Forte abraço e boa noite!
Correndo..Amanhã passo cm tempo!

SheilaCampos disse...

Adorei!
O medo de perder talvez seja o grande "pano de fundo" do medo de amar!!!
Talvez seja meu momento, mas tenho sentido medo de tudo.
De amar, inclusive.
De nunca mais vir a amar.
De nunca mais despertar o amor em alguém!...
O medo parece crescer com o passar do tempo e a perda de algumas ilusões.
A ilusão de sermos "infalíveis", por exemplo.
Ah! Desejo que a maturidade me traga mais coragem! Não sei o porquê de tanto medo estar ganhando espaço!...
Beijos, linda!

Princess sah disse...

=~~

nao faço a minima ideia de como manter um relacionamento
meu mais duradouro foi de 4 meses
xD
nhá.. lindo esse poema
s2

Walmor disse...

que delícia é ler teus poemas garota...


me apaixonei... de verdade...
hauehauehauehaue

Zero disse...

Eu sou bloogueiro adolescente e adorei a musica e a tradução..

diz-me algumas cosas que sinto...^^

Belo blog, obrigado pela visita, e tbm achei muito impressionante a imagem do escorpiãoo...^^

Bjuuu
*;

Davi Arloy disse...

Olha menina, tá aí uma boa pergunta. Mas quando paro pra pensar, me vem outra pergunta como resposta. Será que essa insegurança e desconhecimento não seja o mais legal da vida?! Será que a graça não é a gente ir tentando até descobrir como se faz? O vulgo aprender com os erros? Entao, voce só vai aprender como fazer a música do relacionamento tocando quando tiver errado bastante. rs

Beijao

DaN disse...

Apenas uma palavra:

LINDO!

Gui ¬¬ disse...

não consigo lidar muito bem com sentimentos. Me considero deveras imaturo nesse ponto. Nunca me apaixonei de verdade mas tb não ficaria com alguem só por ficar.

Beijo, legal o tema!

São disse...

Minha querida , pode ter a certeza de que a qualidade ultrapassa a barreira da idade.
Veja. no passado sábado assisti em Lisboa ao magn+ifico espectáculo do cantor francês Charles Aznavour, de 83 anos. Eu estava com três pessoas entre os 24 e os 29 anos : adoraram!
Apreciei seu texto, de verdade!!
Feliz final de semana.

nane-chan disse...

Gostei do que escreveu e nada é antiquado nesse mundo, apenas está em constantes transformações... não significa que as coisas devem ser esquecidas...

Adorei teu blog... bjs...

O Profeta disse...

Um dia destes mostro-te as minhas composições musicais...


Nos umbrais do pensamento
Mora o desejo no limite da razão
Roubando os segredos do corpo
Lançando ao vento a emoção

Uma rosa breve guarda a beleza
O amor é orvalho de feliz pranto
O horizonte é o começo do infinito
A chegada de uma onda é alegro canto

Convido-te a sentir o beijo da chuva

Bom fim de semana


Mágico beijo

Chiquita Dona Bacana disse...

aiii muita pergunta que não sei responder..rs

enfartei!

Kitty disse...

muito legal o poema :)
muitas verdades ditas nele :]
adorei o post :*

Thierry disse...

ahhh
explica direitinho ae vai
xD

Lara Sousa disse...

Nossa quantas perguntas
a maioria sem resposta neh
perguntas que só fazem a gente se amtar de pensar sem xegar a conclusão nenhuma
;D

bjO

B. disse...

De fato...muitos perguntam-se o mesmo. Quer saber o que acho??...Viver cada dia...um dia por vez, é o mais importante...se importando em ser feliz com seu amor...esquecendo o egoísmo, preferindo a felicidade a o invés da razão. Sei disso pois tenho um relacionamento de quase 2 anos e nunca tivemos uma briga.
Um beijo NANA..seu blog é mt legal.

me visita tá?
B.
www.recantocativo.blogspot.com

Gabriel Lezcano disse...

Caramba!!! simplesmente fantástico o que vc escreveu.
Eu acredito que para consguirmos fazer a música tocar todos os dias, é preciso apertar o "Play" todos os dias, e não apertar o "repeat".

Como seres humanos, com emoções, sensações, e enjoos, temos que ser estimulados todos os dias. Por isso o interessante é que conquistemos nossas parceiras(os) todos os dias de forma diferente.
O Mais interessnate é que todos temos ou já tivemos a oportunidade de fazer isso. Conquistar a mesma pessoa de formas diferentes todos os dias. Mas acabamos usando o "Repeat" e quando vimos, de tanto tocar a mesma música automáticamente o disco riscou, e não adiata limpar que o risco não sai. Incrível. Mas muito real. Pelo menos é o que penso e carrego comigo para minha próxima relação.

Pois tb já tive várias chances e me dei um tanto, mallll! ehehe...
Fazer o que? O homem é burro e só aprende apanhando.

MAS APRENDE! e é nisso que me agarro.

ADOREI MESMO ESSE POST...
Quanto ao sinatra, eu curto muito "My way"... e como sou latino, fica melhor ainda se for em espanhol com o Gypisy King. "a mi manera"...
t+ Nana...
"keep write that I keep reading"

Benó disse...

Vejo que o "Principezinho" está citado aqui ao lado e creio que a frase responde perfeitamente à questão que é colocada.
Cada um tem que descobrir dentro de si próprio, qual a música que se adapta ao seu instrumento.
E o que faz um bom músico para conseguir um perfeito acorde final? Ensaia vezes sem conta e quando consegue atingir a perfeição é a apoteose que será sempre APOTEOSE.
Obrigada pelas suas visitas que com carinho as recebo.
Um beijo grande e um bom fim de semana e
Seja Feliz!

MaySchon disse...

Foi um grande pianista e compositor o Legrand, já li um pouco sobre ele e teve um grande sucesso! Sou adolecente e confesso que gostei principalmente da letra, algo profundo e que a música passa isso quando é ouvida, apesar de ser internacional!

Beijos Nana!

Rafael Portillo disse...

Eu sinto pena dos mais jovens que evitam ouvir essas perolas da musica apenas por que é velha.

Mas parece que este é um traço da juventude, não?

http://rafaelportillo.blogspot.com/

Pedro Ojeda Escudero. disse...

¡Qué buena pregunta! Qué difícil la respuesta. Qué lástima cuando se acaba el fuego.
Buen fin de semana, querida amiga.

Outonodesconhecido disse...

Para mim a música continua a tocar em meu coração mas a vida é constituída por tudo.Assim, haverá momentos em que tocamso desafianod, outros a um ritmo diferente, ... o que import aé que continuemos a sentir a música no nosso coração

Gênese disse...

huahuauha...olha eu entro tanto no seu blog e vc ja acessou o meu tambem varias vezes e para mim fica dificil não propor uma parceria...oq acha?

^^"

bye

bob.loco disse...

axei a imagem mto interesante

agora o texto axei mto cumprido pra mim ler, entao resolvi evitar a fadiga...

confesso que soh li o começo :/

c kiser pasa nu meu

http://ehtudoloco.blogspot.com

e

http://losfanfaroes.blogspot.com

Lucas Conrado disse...

Nossa, santa ignorância musical a minha!
Vou ser sincero, não o conhecia, mas gostei da letra e da música (gosto de músicas antigas).

Se você olhar os textos de amor do meu blog, não verá questões de como manter o amor, e sim de como conquistá-lo. Sempre aparece uma dificuldade. Seja outros caras que as roubam de mim, seja a distância física e tal...
Uma coisa que a vida e Star Wars me ensinaram é que o medo da perda que pode nos fazer perder a pessoa amada. Nunca tive um romance durador, mas acho que não devemos nos preocupar com isso. É sempre curtir os momentos perto da pessoa amada que eles durarão mais e mais.
é o que eu acho...

Lucas Conrado disse...

ah, não conhecia o autor da música. Sinatra, claro que eu conheço... pouco, mas conheço.

bjs

Por Ricardo Cazarino disse...

Olá moça! Que delicadeza de palavras. Realmente essa música percorre muitos caminhos para continuar a ser tocada, enfrenta a mais bela sinfonia clássica, passa pela agitação do rock e pq não pelos embalos de sábado a noite? Vozes e canções se unem a essa essa louca palavra chamada relacionamento!
Bjs

Nanamada disse...

Como voces estão poéticos!!
Estou gostando de ler!!

Fábio Buchecha disse...

Como manter um amor é simples. É só fazer a pessoa se apaixonar por você todo dia, e em cada dia, descobrir uma coisa apaixonante no outro.

Clichê, mas é o que sinto, vejo e acho =]

___________________________________
TemPraQuemQuer <<< Entra!

Dona Moça disse...

Eu não conheço Michel Legrand.

Vou caçar e provar pra tirar minhas próprias conclusões!

Quanto ao assunto principal do post, a inquietação por medo da perda, acho q amar é muito mais que possuir.

Acho até q esse sentimento de posse acaba com a essência do que é relacionar-se.

Corvito disse...

"E quanto mais amo mais tenho medo"

Bela frase!

Curioso, estava ouvindo Sinatra quando entrei no seu blog, achei que tinha acontecido alguma coisa no meu player!

Belo post, linda canção, ainda mais na voz do Sinatra!

Beijos, Corvito.

http://losfanfaroes.blogspot.com

Marco Antonio disse...

Não acho que exista uma fórmula... "a fórmula do amor"... mas tem umas coisas básicas que mantêm né? Linda música e lindo poema também!

Renato Barbosa disse...

Acho que é por isso que criei um blog ..

Sâo tantas duvidas sem resposta ...

Tantas duvidas .. que sabemos que um dia vai passar ... saberemos um dia que nada que passamos em vão ..

mas infelizmente precisamos sofre para aprender isso .. !!!

Gostei muito do seu blog ..
Vou voltar aqui mais vezes ..

Abraços ..

http://renatobarbosa.blogspot.com/

Renato Barbosa disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Matheus disse...

realmente uma musica muito boa!!! Abraços... e o poema tbm e bem bonito!

Karla Hack disse...

Não vivo sem música...
Lindo texto.. e Sinatra..
Bom Sinatra é Sinatra!!!

;D

bjus

paula barros disse...

Para mim esse seu texto levantou relamente muitas questões. Medos, relacionamentos, perdas, se entregar, manter um relacionamento interessante, investir na relação, vieram a mente tudo o que perpassa uma relação. E o quanto se entregar é difícil.