quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

Vida cor de rosa


La Vie En Rose

Voz de Edith Piaf

Olhos que fazem baixar os meus
Um riso que se perde em sua boca
Ai está o retrato sem retoque
Do Homem a quem eu pertenço
Quando ele me toma em seus braços
ele me fala baixinho
Vejo a vida cor-de-rosa
Ele me diz palavras de amor
Palavras de todos os dias
E isso me toca
Entrou no meu coração
Um pouco de felicidade
Da qual eu conheço a causa
É ele pra mim, eu pra ele
Na vida, ele me disse
Jurou pela vida
E desde que eu percebo
Então sinto em mim
Meu coração que bate
Noites de amor que não acaba mais
Uma grande felicidade que toma seu lugar
Os aborrecimentos e as tristezas se apagam
Feliz, feliz até morrer
Quando ele me toma em seus braços
Ele me fala baixinho
Eu vejo a vida cor-de-rosa
Ele me diz palavras de amor
Palavras de todos os dias
E isso me toca
Entrou no meu coração
Um pouco de felicidade
Da qual eu conheço a causa´
É ele pra mim, eu pra ele
Na vida, ele me disse
Jurou pela vida
E desde que eu percebo
Então sinto em mim
Meu coração que bate



Pintura de Sandro Del-Prete


Fotografia de Roney Smith
Pitaco sobre história da Arte:Ìtalo com muita propriedade comenta sobre a semelhança da fotografia de Roney Smith com a pintura de Fragonard. A resposta é sim, possivelmente Roney Smith se inspirou na obra do pintor francês do período Rococó para fazer a fotografia pois as duas possuem o mesmo nome, "Swing".Boa observação Italo!!
Hospede inúmeras fotos no slide.com GRÁTIS!

Bjkas da Nana

9 comentários:

Os melhores sites PTC disse...

Linda a foto dessa postagem.

gostei do texto tabem

Abraço!!!

O Árabe disse...

Sabe, Nana? Você escolheu duas músicas lindas. E o post ficou muito bom! :)

Bill disse...

Desligar o Joe Dassin? Não, isso não. Deixa rolar!
Bjo!

Frank Morgan disse...

Olá.
vim te convidar para participar da promoção do blog Polvo Loko.
Para acessar á página da promoção que ajudará seu blog a crescer ainda mais
entre:
http://polvoloko.blogspot.com

Conto com sua presença!
Abraços,
Frank Morgan.

Anônimo disse...

Não há como resistir a uma canção que diz "e se você não existisse? Me diz...por que eu existiria? para vagar num mundo sem você, sem esperança e sem lembranças. E se você não existisse? Eu teria que inventar o amor, como um pintor que vê sob seus dedos, nascerem as cores de um dia, e que não voltam mais... A seleção de músicas está muito boa, a postagem maravilhosa, linda mesmo, ainda mais com a divina Edith Piaf (preciso ver o filme)...senti falta da musa Françoise Hardy, La Question ou L'Amitié, quem sabe... Ítalo

Anônimo disse...

Desculpe, mas a foto abaixo não lembra muito um quatro do pintor frânces Fragonard ou estou enganado? bacio nel'anima. Ítalo

Nana Lopes disse...

Nada como ter excelentes leitores no blog. Gosto de seus pitacos Ìtalo e estou respondendo o seu comentário na propria postagem, valeu pela lembrança!!

Nana Lopes disse...

Aviso aos navegantes: o site que hosapeda as musicas para minha caixinha esta em reformas.assim que resolverem o problema adiciono as musicas pedidas.Bjkas

inacio disse...

amo a língua francesa. tem uma sonoridade gostosa. Esta música é linda. As fotos também. Bj, minha gatinha